quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

Perversidade da Igreja Católica



Taubaté não tem jeito mesmo recentemente uma Igreja e toda sua área comum foram interditadas, e ali funcionava um estacionamento que a Igreja utilizava e cobrava pelo uso.
E tem um vereador ai que se dizia necessário, até agora não fez nada de bom, além de mandar uns ofícios, nada mais justo, todos os outros também não fizeram nada, mas olha só o que ele quer fazer.

"... eu mesmo propus, ainda antes de ser vereador, emenda ao orçamento municipal destinando R$ 700.000 para o restauro da Igreja de N. S.ª do Rosário..."

A cidade um caos e vamos dar 700mil reais para a reforma de uma Igreja? Igreja da toda poderosa Igreja Católica tem que uma quantidade imensa de propriedades de valor maior ainda, porque o meu dinheiro deve ser usado para isto?

Eu já desconfiava que este vereador que vou usar o um nome diferente para não dar muito na cara J. Neto, não melhor Jofre N., é que se dane, ele só estava lá para defender os interesses da mitra, e isto vem agora se confirmando.

A Igreja faz um jogo perverso, jogando esta estorinha que a Igreja é um patrimônio histórico e jogando para o colo da população a resolução do problema que ela criou, ela explora o local com um estacionamento, o mais correto seria ela doar o local para a prefeitura e não fazer este jogo duplo. No importa o valor histórico a cidade não tem que se curvar ao jogo de instituições religiosas que já retiraram tanto desta cidade.

Só para lembra, esta é a mesma igreja que gastou 4bilhões de reais em casos de pedofilia, agora vem me falar que eu tenho que ter dó desta instituição que gasta bilhões em acordos para proteger os seus padres pedófilos e não gasta 700mil reais em um reforma?
Para fechar com chave de bosta, aqui vai um pequeno calculo sobre o estacionamento construído e que a Igreja explora. 

Segundo dados das fotos da área retirada pelo Google Earth chegamos a +- 1900m² chutando tudo por baixo e utilizando a seguinte tabela
http://www.der.sp.gov.br/website/Documentos/tabela_preco.aspx

Chegamos a um valor estimado de R$100mil, isto é, gastaram R$100mil para construir um estacionamento, que piorou o já combalido estado da igreja, e agora querem dinheiro publico para recuperar o que eles mesmos estragaram?

Isto estamos falando só no valor gasto, foram retiradas 7 arvores do local e ainda impermeabilizaram toda esta área.

E todo o dinheiro arrecadado nestes quase 2 anos de funcionamento do estacionamento foi para onde?

É muita estorinha furada.

Aqui temos algumas fotos da construção do estacionamento.

http://www.blog.jornalcontato.com.br/2011/05/igreja-do-rosario-1.html

E só para esclarecer não é questão de eu ser ateu ou não, eu quero esta Igreja reformada sem duvida alguma, mas se a prefeitura for fazer isto eu gostaria que a Mitra passasse a posse para a prefeitura, na Holanda a Igreja Católica fez isto, passou varias igrejas e catedrais para as prefeituras que transformaram em museus, em alguns casos em restaurantes, etc. etc. o patrimônio histórico, cultural e até religioso tem que ser preservado sem duvida alguma, a questão aqui é que não concordo com a prefeitura arcando algo em que a Mitra tem muito dinheiro para fazer isto, enquanto temos escolas caindo aos pedaços, ruas estourando, hospitais um caos, etc. etc.

E tem mais um detalhe uma lei especifica para este caso, e nela diz que o patrimônio tombado é sim de responsabilidade do dono e que somente se o mesmo provar que não tem recursos a UNIÃO pode fazer a reforma.

Como sabemos a Mitra tem sim recursos, então o que se faz é um jogo perverso mesmo, usando um vereador como marionete para atingir seus objetivos, que na verdade é reabrir o estacionamento e continuar faturando.


Nenhum comentário:

Postar um comentário