sexta-feira, 5 de dezembro de 2008

Espiritismo: Ilusão, Charlatanismo, Invenção, Movimentos Inconscientes e Memórias Esquecidas.


Participei de uma sessão espírita há muito tempo atrás e como nem todos sabem as sessões são divididas em duas partes, uma para estudos e outra parte para mediunidades, a parte que propõe ser sobre estudos não segue o método cientifico, eu na época não tinha o conhecimento cientifico profundo que tenho hoje de como devemos analisar um caso, mas mesmo na época notei que um simples relato era prova suficiente para as pessoas ali reunidas e já demonstrei em uns 15 post’s que isto não prova nada a não ser que somos pessoas suscetíveis a enganos. A parte em que são feitas as sessões mediúnicas reparei um efeito psicológico chamado “vontade de acreditar”, existe a vontade que aquilo de certo, positivismo e luzes baixas permeia o ambiente, pouco ceticismo, musica lenta, palavras bonitas são como sol e água para as plantas, e florescem assim vários acontecimentos como psicografias, espíritos falantes, curas mediúnicas. (NOTA: Talvez fui muito simplista na descrição da reunião espirita que participei, necessito participar de outra, acho que não é exatamente desta maneira que menciono aqui.)
                Após esta experiência resolvi pesquisar sobre o assunto e consegui descobrir muita cosia, que inclusive me fez perguntar, porque todas aquelas pessoas não fizeram nem um tipo de pesquisa nem a mais básica? Se o fizeram resolveram utilizar o bordão a tempos utilizado contra os céticos, “os cientistas não vêem além do mundo físico”, mas eu me pergunto. Ver o que? Ficar me enganando com ilusões de algumas pessoas? Não obrigado, gostaria muito que várias coisas que as religiões ou doutrinas pregam fossem verdade, seria incrível conversar com um espírito cientista desta “outra dimensão”, como era o desejo do falecido Carl Sagan. E porque as pessoas que fazem a psicografia nunca escreveram um livro técnico? Duvido que os grandes cientistas de décadas, séculos e milênios atrás não tenham algo de novo para falar, tentar elucidar alguma duvida recorrente, ou então recuperar livros perdidos, como no caso do incêndio que houve na biblioteca de Alexandria, pouquíssimos dos vários papiros foram recuperados, informações incríveis se perderam, não custaria um espírito solista nos ajudar a recuperar estas informações? Será que no universo inteiro de profissões e coisas que poderiam ser utilizadas somente as histórias cotidianas e romances são os que podem ser psicografados? Coisas estas, que qualquer um pode escrever.
Mas existe uma explicação. Vários médiuns que entram em transe e começam a psicografar são em muitíssimos casos em que a criptomnésia explica (a outra explicação é o charlantanismo), criptomnésia quer dizer literalmente memória oculta, algumas informações durante a vida são armazenadas e muitas não são utilizadas, mas estão lá, no limiar do subconsciente, explica também o chamado efeito Déjà-vu, lembranças esquecidas reavivadas por um local ou pessoa que lembra algo que esta na memória, nosso cérebro que não é perfeito informa que é um local conhecido, mas ele mesmo não tem certeza por isto fica a "impressão de já ter visto ou estado", mas na verdade é só uma junção de locais e pessoas e no caso da psicografia também, muitas memórias de casos ouvidos por um por outro, lidos, interpretados ficam perdidos na nossa cabeça, e algumas pessoas por algum problema no cérebro (amnésia, esquizofrenia entre outros) tem algum tipo de confusão mental aonde esta informações vão aflorando às vezes em sequência como no original outras vezes se interpolando entre as milhões de lembranças, aliando isto com a técnica da leitura fria que muitas pessoas tem naturalmente, formam um médium muito “convincente” se não fosse os frustrantes resultados, como o que eu citei sobre somente as psicografias se tratarem de romances e assuntos banais, nada que qualquer outra pessoa também não escreva. Em alguns casos estes médiuns são pessoas inteligentíssimas e o cérebro faz associações lógicas incríveis, pessoas assim com um pouco de treino e conhecimento não seriam médiuns mas cientistas ou até detetives, por isto o uso de médiuns em casos de policia, o médiuns acha que é um "poder" que ele tem mas é simplesmente o seu cérebro juntando informações de forma lógica. (adicionado em 05/11/2010).
                Resolvido isto vamos para o que impressionou muito Allan Kardec quando ele criou o espiritismo, não se impressione com a palavra “criou”, pois foi exatamente isto que ele fez, não existiu tentativa de entender os acontecimentos, ele simplesmente olhou as manifestações e conclui que só poderia ser obra de espíritos e se os mesmo existiam deviam ser regidos por alguma ordem ou entendimento e começou a inventar todo o espiritismo pois não existe nenhum evidência ele simplesmente pensou de forma aleatória mais ou menos da seguinte forma, “se algumas pessoas se comunicam com espíritos eles devem existir, nos não conseguimos ver os espíritos então eles não pertencem ao mundo físico, no mundo físico os humanos morrem, logo no mundo espiritual somos eternos, se somos eternos, então nós encarnamos várias vezes, mas o mundo não apresenta evidente melhora, logo deve existir outros mundos em que somos enviados, ....” e ai vai até escrever vários livros, isto é o tipo de pensamento  Post hoc, ergo propter hoc (Depois disto, logo causado por isto), que é uma falácia lógica, um bom experimento seria pedir para 30 pessoas evoluírem uma redação que tivesse o enunciado da seguinte maneira “Algumas pessoas tem a idéia que todos os humanos possuem um espírito, explique baseado em seus conhecimentos como funciona a vida destes espíritos que estão conectados ao corpo dos humanos
Teríamos 30 novas explicações para o espiritismo, isto é, a única que vingou foi a da pessoa que criou da primeira vez, só isto, mas qualquer um podia escrever, não existe estudo nenhum a não ser de ter a tentativa de conectar a outros efeitos e religiões.
                Tirando esta pequena explicação de como se criam religiões, vamos para o que motivou Allan Kardec a escrever o espiritismo, alem do que já expliquei sobre a psicografia ele ficou muito impressionado com as chamadas “Mesas-Girantes” que depois “evoluiu” para a chamada “brincadeira do copo”, foram provadas pelo físico Michael Faraday como embuste sendo tudo interação entre a pessoa e a mesa/copo, ele provou com um experimento simples, colocou sobre a mesas varias pilhas de papel onde as mãos das pessoas ficavam apoiadas e concluiu que se fosse o espírito que tivesse movendo a mesa para a esquerda, por exemplo, a pilha ia formar uma "escada" da esquerda para a direita, se fosse a mão da pessoa formaria da direita para a esquerda, nem preciso dizer que foi a mão que fez o movimento, mas ainda assim as pessoas juram de pé junto que não foram elas, bom isto é explicado pelo efeito Ideomotor, postula este efeito que podem ser desencadeados movimentos musculares as vezes independente das vontades e emoções, pode-se não estar ciente do fato, mas outras pessoas ou observações podem induzir sugestões a mente, que podem influenciá-la e afetar o comportamento motor. Um bom teste foi feito pelo professor de psicologia da Universidade de Oregon, Ray Hyman, ele juntou vários alunos em uma sala e pegou as famosas varinhas de radioestesia (procurar fontes de água, entre outros), e utilizou-a na frente dos alunos até que elas se cruzassem em um ponto da sala, e disse que ali passava uma tubulação, todos os alunos fizeram o experimente e falaram que sentiram uma estranha força que os levavam para exatamente aquele ponto, ele repetiu o teste com outra sala e chegou a outro ponto distinto, nem preciso falar que também os alunos sentiram a água naquele ponto, mas água mesmo nem passava perto daquela sala, isto prova um dos efeitos da força ideomotor, causa isto de um cérebro ainda em evolução, sugestionável e factível a erros.
                Assim podemos entender que basicamente o espiritismo é uma pegadinha que o cérebro prega nas pessoas, eu poderia aqui explicar as experiências fora do corpo, visões de fantasmas, vozes do além, fotos com fantasmas e todo um zoológico de acontecimentos espirituais, mas tudo resume a um cérebro ainda em evolução, a vontade de acreditar e sempre tentar explicar acontecimentos com a falácia lógica do que depois do acontecimento “só pode ter sido causa por isto”.
                Mas no futuro pretendo colocar aqui minhas opiniões sobre estes outros acontecimentos.



Alguns trechos foram tirados do livro do Carl Sagan "O Mundo Assombrado pelos Demônios, A Ciência Vista como uma Vela no Escuro".

Links:

24 comentários:

  1. bárbaro!

    você conseguiu colocar em palavras tudo aquilo que eu pesno a respeito deste assunto!
    parabéns

    ResponderExcluir
  2. Valeu pelo comentário Ronaldo, tento juntar o maximo de informação no intuido de mostrar a falácia de muitas coisas no espiritismo

    ResponderExcluir
  3. Excelente seu texto!

    Eu nunca acreditei em espiritismo, pois sempre vi como algo tão abstrato e não-científico que precisa-se de até mais fé do que na bíblia!


    Mas uma amiga minha ficou louca (não consigo pensar em outra palavra para o estado que ela se encontra) por causa do espiritismo.

    Ela se tornou depressiva, angustiada; não quer conversar com ninguém; perdeu o gosto de comer, beber, sair, conversar e rir. Ela diz que "mal pode esperar pra chegarmos ao próximo nível de espírito e irmos para outros mundos, ajudar os menos desenvolvidos a crescerem espiritualmente".


    Sei que nem todo espírita é assim, mas pra ela fez muito mal (ela está assim há meses!).

    Estou mostrando pra ela que religiões/espiritismo são cheios de falácias, sofismas e erros de raciocínio! Quem sabe não consigo tirá-la do estado "estou esperando minha morte" que ela se encontra!

    Obrigado!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É tomara que você tenha sucesso nesta empreitada, a vida sem ilusão é mais fácil e melhor de seguir.

      Excluir
    2. Leve ela para conhecer o Deus Vivo, Jesus Cristo .

      Excluir
  4. Uma bobajada sem limites e olhe que não sou espírita. Você fala que não há evidencias,como também não há evidencias de nada que você expôs. Somente achismos e quanto a ciência,meras suposições. Se fala que o espiritismo não tem embasamento , você não o tem também ,nem a ciência. Se não há provas suficientes que comprovam a realidade dos espiritos,também não ha evidencias de que não exista. Charlatões existem,obviamente,em qualquer área existem os impostores.Já julgar todos por isso se torna imaturidade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amigo existem evidências para tudo o que eu falei rsrsrs, inclusive estão no texto e nos links abaixo, recomendo a leitura do livro citado no texto e aqui fica um pensamento.

      Você diz que:

      A ausência da evidência não significa evidência da ausência. (Carl Sagan)
      E concordo plenamente

      Mas o que eu mostro é isto
      Alegações extraordinárias exigem evidências extraordinárias. (Carl Sagan)

      As alegações dos espiritas são extraordinárias, mas suas evidencias são fúteis e sem sentido. Desculpe, mas ou você não leu todo o texto ou não entendeu.

      Excluir
    2. E não julgo todos charlatões, são 3 tipos

      Charlatões
      Doentes mentais e
      Inteligencia mal administrada (Pessoas muito inteligentes que tem uma capacidade incrível de observação e dedução lógica, mas não foram devidamente orientadas e acham que aquilo é algo externo, quando na verdade é algo natural, são os que naturalmente nascem cientistas, psicólogos, detetives, etc. etc., lhe faltam ciência)

      Excluir
    3. Ninguém sabe nada de nada, não sabemos nem se existimos de fato, tudo é tão subjetivo, nem a existência pode ser comprovada nem ... Quem é você uma energia, um ser, uma parte do mundo, um mundo a parte. Você é sábio; ou não?

      Excluir
    4. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    5. O que existe é o aqui e o agora!
      Eu era espirita e vou todos os domingos as palestras, já fui ate atendido por esses médiuns em 2010,o interessante é que uma semana antes de ver a minha carta,eles pediram para eu dar uma entrevista e dizer sobre a minha vida,e na semana seguinte eu ouvi a mesma coisa que eu tinha dito para eles na semana anterior!tenho 16 anos e sou espirita desde quando nasci e me decepcionei ao ver que todas as pessoas que recebem as cartas passam pelo mesmo processo que eu,e eu li a carta da minha mãe,e 75% dela era idêntica a minha e eles sempre colocam algo igual em todas as cartas(façam o bem com as pessoas ou cuidado com o orgulho e eu nem tinha orgulho!eu era um deprimido solitário na época e eu me odiava!).E você deve dizer sobre sua vida antes e algumas vezes inventam uma historia que não tem nada a ver(ou por coincidência acertam,mais na maioria das vezes o mesmo médium que acertou erra,ou seja foi pura sorte!).
      Todos os médiuns de todos os centros espiritas fazem o mesmo processo(eu sei porque eu participo de todos os eventos espiritas,programas da TV CEI,palestras,congressos etc.Por obrigação do meu pai).
      Quer discutir com alguém que passou a vida inteira indo aos centros espiritas,a palestras e assistindo a TV CEI(TV espirita)?

      Excluir
    6. Matheus, fico feliz que você conseguiu ver isto, mesmo estando tão inserido, eu tambem já fui muito católico, cheguei a ser coroinha. Mas algo me fez ver que não é bem assim. Continue neste caminho sincero que você decidiu trilhar, só te fará bem.

      Excluir
  5. Sim Matheus, com seus 16 anos você é sim prova de que todos os espíritas praticam deste mesmo método. Parabéns.

    ResponderExcluir
  6. Muito bom! Eu também fui católico, totalmente influenciado pela minha mãe. Aos poucos fui vendo as incongruências da doutrina católica, associada com os absurdos descrito na bíblia. Por si só resolvi abandonar a igreja. Posteriormente, desenvolvi um lado espiritualista, através do contato com a projeção astral e logo me interessei pelo espiritismo. Porém, antes de participar definitivamente do espiritismo, tive o cuidado de estudar a história e o contexto. Noite algumas coisas absurdas. A primeira é que o espiritismo teve sua origem pelo caso das irmãs Fox, que posteriormente foram comprovados como fraude. Posteriormente, notei que várias "médiuns" forjaram vários efeitos físicos, os mais toscos são os do ectoplasma. Esse fato foi tão comprovado, que o espiritismo virou coisa sem lógica na França, onde teve sua orgiem, e no Brasil, floresceu... Inclusive, o líder espírita mais respeitado do Brasil, o Chico Xavier, esteve envolvido com esses embustes. E para complicar ainda mais, o Allan Kardec era totalmente racista e ainda teve a cara de pau de fazer um paralelo espírita com a bíblia "O evangelho segundo o espiritismo". Fora essas questões que vc citou aí, Pedro Soethe, a conclusão que tenho sobre o espiritismo é uma que um colega ateu falou para mim: pura bobagem!

    ResponderExcluir
  7. Bom texto, Pedro, obviamente escrito por uma pessoa com senso crítico.
    Algumas correções:
    - Sim, você foi simplista na descrição da reunião, e mesmo que não tivesse sido, julgar o conjunto de centros por um é o mesmo que julgar toda ciência analisando apenas um ciêntista, e descartar algo que não se conhece não é exatamente um comportamento ciêntífico.
    - Lendo os livros básicos do espiritismo você vai entender porque os cientistas não voltam para adicionar às suas teorias, o espiritismo não faria sentido se isso acontecesse. A sua falta de conhecimento sobre o que fala se torna óbvia aqui.
    - Cryptomnesia não é uma explicação válida para o fenômeno, tanto pelo relato de mediuns quanto pela própria natureza da doença. E caso você de fato analíse a atuação destes médiuns na polícia, por reportagens ou relatos, você perceberá que não há espaço, tanto na forma como ajudam, e nem na quantide de informação que recebem, para um caso de extremo entendimento lógico.
    - Allan Kardec era tinha consciência de que diversos desses casos eram charlatanismo, mesmo não conhecendo a obra espírita, onde ele fala sobre o charlatanismo, você tem que ter notado que Kardec era extremamente inteligente.

    O espiritismo não teve origem nas irmãs Fox, tão pouco elas foram comprovadas como fraudes. É bem normal que "mediuns" forgem efeitos físicos, assim como "cientistas" criavam poções para curar todos os males. A esta não foi a única razão da não dispersão do espiritismo na França, muito do que Kardec diz até hoje não é confirmado cientificamente, e como ele próprio diz que deve ser feito, não pode ser confiado totalmente, mas na época de sua divulgação, quase tudo lá dito não tinha nenhuma base ciêntífica, Kardec dizia, por exemplo, que o Sol emanava eletricidade, uma idéia sem nenhuma base na época.

    "O evangelho segundo o espiritismo" é, como diz o título, a bíblia analisada em uma lente espírita. Não é um paralelo espírita à bíblia. E a primeira coisa escrita no livro é que nada escrito na bíblia pode ser tomado como verdade, então a análise será apenas ideológica, que ideal está por trás das palavras atribuidas a Cristo?

    Como vê, Pedro, é fato que, existem charlatões no espiritismo assim como existem pessoas que o seguem cegamente, mas me diga, o que no mundo está imune a estas pessoas? O ateísmo não está, a ciência não está. Mas isso não significa que essas pessoas sejam tudo que o espiritismo, o ateismo e a ciência é.

    Independente do que acredita, o foco da mensagem espírita é simples: Amor e Caridade. Não existe como errar com esses dois, ame o próximo, pratique caridade e procure se melhorar sempre, se é ateu você está contribuindo para o desenvolvimento da sua sociedade, se é espírita está contribuindo para o desenvolvimento do seu espírito, se é católico está cavando seu lugar no céu, se é budista está se aproximando do nirvana, e assim em diante.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A grande questão aqui é a falta da evidência, logicamente que a cryptomnesia não explica tudo, mas é sim uma explicação muito válida para o fenômeno, dito que uma boa prova seria esta de o espirito não trazer nada sobre a sua profissão, espere ai, se eu tivesse a chance de elucidar um mal entendido do passado, em algum caso cairia na questão profissional, um cientista que dedicou toda a sua vida em prol da ciência não vai falar um A sobre isto? Acho muito complicado todos, TODOS os relatos serem romances, Zibia Gaspareto, escreveu sei lá 10 livros? Nada sobre ciência, OK, mesmo assim, não existe nenhum livro psicografado que mostre algo novo, são só as mesmas lenga, lenga, nada inovador, nada histórico, nada de de nada, isto é sim, evidência de crypyominesia ou charlatanismo, ou um ou outro.

      Realmente não conheço o espiritismo a fundo, mas não consigo entender estes detalhes, o que me impede de continuar, pois as explicações são simplistas, como são as dos católicos sobre o mal existir, como são dos budistas para a passividade em um mundo em constante movimento.

      E no ultimo paragrafo, sobre as religiões, veja que você na própria descrição foi bem egoísta, rsrs, não é melhor para um pouco de pensar me nós? No nosso espirito, no lugar no céu, no nosso nirvana e pensar um pouco neste mundo? Pensa bem estamos aqui correto? Então não tem importância e o que vem depois, se fizermos deste mundo melhor, o que vier é consequência.

      Sobre o caso de médiuns na policia, estão todos dentro das margens de acertos e erros, e a explicação esta no ótimo seriado Psych, são pessoas com ótimo poder de observação que as tem noção deste poder e em outras vezes não tem, mas não passa de truques em nossa mente ;-)

      E lembre-se evidência, alegações extraordinárias exigem evidências extraordinárias.

      Excluir
    2. O que quis dizer é que não existe o porque não praticar os dois, mesmo que a princípio você não sinta a vontade de ajudar os outros. Mesmo que a caridade não venha do "coração" praticá-la ainda vai faze-lo aprender e mesmo que não fizesse, faria outras pessoas aprender. Quem viu o egoismo foi você.

      Sobre o caso de médiuns na polícia, já ví reportagem sobre um desses médiuns em um seriado que tenta explicar pessoas com habilidades sobrenaturais, super-homens, e ele é até hoje o único que os cientistas envolvidos não conseguiram explicar. Já conheci uma mulher capaz de me localizar independente de onde eu fosse. Simplório é descartar todos os casos só porque um que você conhece, ou nem conhece, só vê seriados, não te convence.

      O espiritismo não acredita em milagres, não acreditamos que nada pode quebrar as leis da ciência, afinal, se deus é onipotente e onisciente, pra que ele criaria leis que ele depois teria que quebrar? É exatamente por isso que espíritas, pelo menos os de verdade, não tem nenhuma preocupação em pregar o espiritismo, eu já presenciei diversas situações de manifestações de espíritos, diversos casos em que fui capaz de resolver problemas de pessoas que nem sabiam o que eu estava fazendo, logo não podem ter sido vítimas de "placebo". Eu entendo que caso eu não tivesse vivenciado isso eu não aceitaria o espiritismo como verdade, obviamente não faria críticas segas como vejo feito em todos os lugares, afinal, a primeira coisa que eu fiz quando resolvi estudar espiritismo foi ler 3 dos livros, e depois ir ter contato com centros.

      Agora, por favor retire a parte em que você fala que o budismo prega passividade. Isso veio obviamente de uma pessoa que não conhece o Budismo. Como já disse antes, não fale do que você não conhece, isso é totalmente o contrário da posição que você supostamente toma.

      Uma pergunta que me veio a mente, que tipo de trabalho de caridade você faz?

      Excluir
    3. Médiuns na policia são fraudes me mostre 1 que suportou mais do que as estatísticas?
      Estes seriados são para vender, não são verdades cientificas, eu quero algum estudo provando isto. Não descarto, o único problema é que quando são testados eles somem. Já ouviu falar em James Randi, faz 30 anos que ele tem um cheque de 1milhão de dólares para entregar para o primeiro que provar que tem realmente poderes sobrenaturais.

      http://www.randi.org/site/

      Eu falo o que eu quiser e do que eu quiser, este blog é aberto, não venha você me censurar.

      Sobre as suas observações pessoais elas são o start de uma teoria cientifica e não uma teoria cientifica.

      Amigo não vou fazer propaganda da minha pessoa, acho que Jesus estava certo, "se você der com a mão direita, não deixei nem sua mão esquerda saber" ou coisa do tipo. Mas pode ficar tranquilo que o meu trabalho com a sociedade é muito bem feito, lógico que da minha maneira de ver o mundo, ensinar ciência e desmitificar o espiritismo e promover a ciência em escolas publica como faz o James Randi e fez o Carl Sagan é uma das minha preferidas ;-)

      http://www.ted.com/talks/james_randi.html

      E não quero saber o que você faz, isto é um assunto privado.

      A questão que coloco aqui é a prova, e não o simples fato da observação pessoal, isto para a ciência não vale quase nada.

      Excluir
    4. aqui tem outro artigo meu que explica melhor os problemas do espiritismo

      http://psoethe.blogspot.com.br/2008/11/truques-em-uma-mente-primitiva.html

      Excluir
  8. voce vai em um centro com um "macaquinho no ombro", ou seja um problema pra resolver, e nisso um macaco maior que estava no ombro de outra pessoa, pula no seu. Moral da historia, voce procura um centro porque sua esposa esta doente e sai de la divorciado.

    ResponderExcluir
  9. Parabéns Pedro, não desista da sua opinião pelas pedradas. Eu frequentei por anos os centros em busca de conhecer os fenômenos e como estudo muito, testava em silêncio os "médiuns", ha telepatia, mas ha muita palhaçada de gente precisando de atenção e carinho! Felizmente a ciência hoje está bem perto de conseguir provar muitos fenômenos desconhecidos do homem e nesse dia, religiões assim vão cair por terra.Ha muita gente como a gente que não se deixa enganar e são esses que estão trazendo evolução e respostas, porque respostas não se busca em centros onde os obsessores não tem o que fazer e acompanham pessoas... informações úteis pelo bem, por caridade, como descobrir quem é o psicopata ou outros assuntos de utilidade ... nada! Ha sim explicações e muitas provas para fenômenos... em seu devido tempo as mascaras vão cair. Bjão!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário, mas felizmente o foco da ciência não é desmascarar as religiões, as tecnologias criadas podem muitas vezes explicar os fenômenos, mas sempre existiram "novos" e talvez até utilizando estas tecnologias, como foi o caso da fotografia no seu inicio.
      Mas estamos ai sempre tentando mostrar como as coisas realmente são ou funcionam.

      Excluir